DIVIZA - Baile da Casinha

Baile da Casinha - DIVIZA Letra, Lyrics: Com a Glock cromada smokin’ zaza Hoje é sabadão e ela que vir pra minha casa Ponto nove moquei nessa merda de Balenciaga

Baile da Casinha - DIVIZA Letra, Lyrics:

Com a Glock cromada smokin’ zaza
Hoje é sabadão e ela que vir pra minha casa
Ponto nove moquei nessa merda de Balenciaga
Ela que tapa na raba
Ela que tapa na raba
Ela me quer mas eu passo
Pego a sua amiga tá ligado eu furo igual compasso
Tá ligado? Tá ligado? Pego essa e lil bitch e passo
Se você der mais um passo juro cê vai ser furado,
Chamei o ZZL ele vai trazer um boldo
Eu tô com os parceiros hoje nóis vai ficar louco
Queimei um na blunt mas depois já bolei outro
Fudi ela ontem e ela pedindo de novo
Pedindo de novo ela quer mais uma vez
Fudi uma vadia ela falava inglês
Comi ela ontem e o nome dela eu nem sei
Tirei do armário meu fuzil ele é um gay,
Fumando umas gramas eu me sinto até um rasta
Meu corpo tão mole essa brisa nunca passa
Perturbando a vizinhança ando fazendo fumaça
Tô riscando essa ruas me sinto tipo o massa
Tanto dinheiro no malote que o elástico não guenta’
Perdendo até o ar de tanto que os moleque prensa
É os moleque da DIVIZA que tá estourando a cena
Pipoco é São João aqui no meio da favela
É a DIVIZA porra,
Fudendo essa mina dentro do meu carro
Passei meu beck pra ela ela deu cinco trago
Essa bitch é safada no pau faz estrago
Ela quer meu sobrenome e meu cartão clonado
E hoje tem baile, baile da casinha
Tem o Léo Fanáia e também balinha
Cozinhando drogas na minha cozinha
Igual Heisenberg eu faço metanfetamína,